Composta por nutrientes com poder antioxidante, a uva colabora para combater males a saúde

Ela funciona como um diurético natural e também como laxante e sua casca aumenta o colesterol HDL conhecido como o colesterol bom. Se não fosse o bastante, a uva ainda possui propriedades nutricionais que combate bactérias e vírus e anda doenças cardiovasculares. A fruta é fonte de carboidrato e vitaminas do complexo B e C.


Ao contrário da maioria das frutas, as uvas são encontras em diferentes cores: verde, roxa, rosada e azulada. Outra variação é quanto ao gosto que vai de doce ao cítrico. A uva é rica em sais minerais como cálcio, ferro, fósforo, magnésio, sódio e potássio, além de não ser considerada calórica. Em 100 gramas consumidas, por exemplo, se ganha cerca de 50 calorias. Apesar da parreira ou videira como é conhecida a árvore que produz o fruto ser típica do continente asiático, a uva é bem aceita no Brasil desde que foi trazida ao País durante a colonização pelos portugueses, no século XVI. Outro benefício da uva para a saúde é a capacidade de agir no organismo na dilatação das artérias, o que ajuda a reduzir a pressão sanguínea.
Os derivados da uva também são ótimos aliados do bem-estar, o suco, por exemplo, funciona como um desintoxicante e retarda o envelhecimento. As variações da uva tem influência nas propriedades que carregam, as do tipo niágara é rica em fibras, enquanto a rubi tem vitamina C e proteínas.

Atenção, quanto mais escura a cor da uva mais antioxidante ela é. Isso porque possuem flavonóides que tem uma forte influência na proteção das plantas, além de ajudar no processo de fotossíntese. Quando entra no organismo humano serve não só como antioxidante, mas também contra câncer e envelhecimento. Quanto à quantidade para consumo, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), é de cinco porções por dia, o que é válido não apenas para as uvas, mas para demais frutas e também legumes.

A uva passa também faz bem a saúde. Isso porque nela é encontrada o mineral boro que é tido como benéfico na prevenção de artrite e perda óssea, principalmente em mulheres na fase da pré-menopausa. Além de minimizar o aparecimento de edemas e inflamações. A passa ainda é rica em oligofrutossacarídeos que ajuda a manter o equilíbrio intestinal fazendo com que apenas as substâncias necessárias sejam absorvidas pelo organismo. Também é rica em fibras.

Vinho: Vilão ou Mocinho?

O vinho é outro derivado da uva que é tido por alguns especialistas como colaborador da saúde, principalmente ao evitar problemas cardíacos. Uma vez que combate o acúmulo de gordura nos vasos sanguíneos. Um cálice da bebida por dia seria o suficiente. O mesmo efeito poderia ser alcançado ao comer as cascas e mastigar os caroços.

No caso do vinho, nem todos concordam com seu benefício. Há os que defendem que e o consumo dele ao invés de fazer bem a saúde, pode prejudicar devido gerar o alcoolismo. É o que defende o Instituto Nacional do Câncer (Inca), na França que aponta que uma dose de álcool diária por dia aumenta em 168% a chance de desenvolver câncer.

Em 2003, a Organização Mundial de Saúde (OMS) defendeu na publicação intitulada de ‘Dieta, Nutrição e Prevenção de Doenças Crônicas’ que os benefícios causados pelo vinho é menor que os malefícios. A indicação é que se opte pelo suco da uva.

Benefícios têm Comprovação Científica

Cientistas de todo mundo buscam comprovar a eficácia do fruto contra doenças.Conforme uma pesquisa da Universidade de Michigan, nos Estados Unidos, que analisou por 18 semanas roedores que tiveram incluída na dieta o pó de uva, a fruta melhora a função cardíaca, evitam inflamações e diminuem a pressão.
Outros estudos apontam que o suco da uva natural é rico em compostos de antioxidantes fenólicos. Dentre eles, o resveratrol se destaca por reduzir a chance do individuo ter doenças cardiovasculares. Em 1999, pesquisadores da University of Wisconsin School em Madison divulgaram que o consumo diário de suco de uva melhora o fluxo de sangue.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *